Início >> Notícia >> Categoria >> Geral >> Apresentadora-relata-a-dor-e-a-alegria-de-se-demitir-da-Globo-apos-19-anos

Apresentadora relata a dor e a alegria de se demitir da Globo após 19 anos

Imagem não disponível

A jornalista diz que agora está "feliz" e "leve", mas deixar a Globo não foi uma decisão fácil.

607

Francisco Silva 14/02/2017 às 14:16 14/02/2017 às 14:16

Apresentadora do tempo do Jornal Nacional entre 2008 e 2013, Flavia Freire surpreendeu jornalistas e telespectadores na semana passada ao pedir demissão da Globo. Afinal, por que abrir mão de uma carreira na principal emissora do país após 19 anos de casa? "Estou indo realizar o sonho da minha vida", justifica Flavia, de mudança para Portugal, onde irá morar com o marido e o filho _e pretende engravidar novamente. "Por isso pedi para não renovarem o contrato".

A jornalista diz que agora está "feliz" e "leve", mas deixar a Globo não foi uma decisão fácil. Pelo contrário. "Quando comecei a pensar na possibilidade [de pedir demissão], doeu muito. Como jogar 19 anos para o alto? Era tudo o que eu tinha, tudo o que construí. Venho trabalhando esse desapego há meses, e eu sofri muito. Eu amo contar histórias, mudar a vida das pessoas,  ter o poder de ajudar as pessoas".

Flavia conta que, apesar de ser "muito família", sempre colocou a profissão em primeiro lugar. Por isso, retardou ao máximo possível a maternidade que tanto sonhou. Em 2014, se apaixonou e se casou com Miguel Roquette, um empresário português, dono da Quinta do Crasto, membro de uma família tradicional do mercado de vinhos.

Pelo sonho de ser mãe, recusou o convite da Globo para apresentar o Hora 1, no final de 2014. Logo depois, engravidou. "Tive meu filho com 40 anos. Os médicos me falavam 'Ou você tem agora ou poderá encontrar problemas para engravidar mais para a frente'. E eu perdi duas gravidezes, logo no comecinho. Eu queria muito ser mãe. Por isso eu disse não [ao Hora 1]", revela.

Flavia passou parte da licença-maternidade com o marido em Portugal. Ao voltar, deixou de ser a primeira opção para substituir os apresentadores dos telejornais locais de São Paulo. Ela diz que não foi uma retaliação da emissora pela recusa ao Hora 1.

"Quem pediu para ir para a reportagem fui eu", diz. "Quando eu voltei [de licença-maternidade], perguntei para os chefe e eles disseram 'Nada mudou'", sustenta. "Sempre fui valorizada na Globo".

Flavia como  marido, Miguel, e o filho, Matheus (Reprodução/Instagram)

Mas a demissão seria inevitável, já estava no horizonte da jornalista. "Ele [Roquette] veio para cá por minha causa, sabia que eu amava minha profissão. Mas era uma questão de tempo, uma hora eu ia tomar uma decisão [de pedir demissão]", diz.

"Até uma certa idade a gente se dedica à profissão. Sempre coloquei a profissão em primeiro lugar, mas quando você tem um filho sua cabeça muda. E tem a questão do país, a violência, dá um medo. É claro que poder levar o filho para um lugar mais seguro pesou muito", confessa.

Flavia ainda não sabe o que será de seu futuro profissional, tem consciência de que poderá nunca mais apresentar um telejornal. Não descarta a possibilidade de continuar no jornalismo _nem a de trilhar outro caminho, como virar empresária.

Por enquanto, ela só quer saber de férias sabáticas. "As pessoas não acham possível que depois de 19 anos você possa arriscar. Eu tive essa oportunidade e estou indo realizar um sonho, o sonho da minha vida. Tenho plano de ter mais um filho", revela.

Flavia começou a carreira em 1998, na TV Globo de Brasília, e logo chamou a atenção dos chefes do jornalismo, que a transferiram para São Paulo. Foi repórter e apresentadora eventual do SPTV, do Bom Dia São Paulo, do Antena Paulista e do Jornal Hoje. Passou pelo Globo Esporte de São Paulo e, em 2008, assumiu o mapa-tempo do JH e do Jornal Nacional, função que ocupou até 2013.

imagem

Francisco Silva

Proprietário da web Rádio Amazônia Central, Acadêmico em sistemas de informação 8º período (1/2018) e Editor de imagens. WhatsApp (69) 9 9283-9969
VEJA TAMBÉM
Geral

Google lança no Brasil recurso que indica se notícia é verdadeira ou não

Recurso disponível tanto na versão para navegador quando nos aplicativos Google Notícias e Clima para Android e iOS
Data 17/02/2017 às 01:16
Concurso e Emprego

Rádio Jovem Pan oferece salário de R$ 30 mil para William Waack

Mesmo com o valor altíssimo de salário, Waack teria recusado
Data 16/02/2018 às 11:12
Música

Top 200 Musicas Mais Tocadas no Brasil (Setembro 2017)

Veja as mais tocadas no verão 2017
Data 04/10/2017 às 21:46
Música

Lollapalooza 2018: venda de ingressos começa em 16 de setembro

Lolla Pass, que dá acesso a 3 dias de festival, custará a partir de R$ 650. Festival acontecerá em 23, 24 e 25 de março, em São Paulo.
Data 07/09/2017 às 19:52
Esporte

Série D: seis estádios liberados, entre eles o Aluizão

Genus x S. Francisco-PA às 18h
Data 17/05/2017 às 16:22
Geral

Dia do Trabalhador é marcado por shows e manifestações pelo Brasil

SP tem shows de Zezé Di Camargo e Luciano, Bruno e Marrone e MC Guimê. Veja como foram as comemorações do 1º de Maio em 12 estados.
Data 01/05/2017 às 20:42
Cultura

A Amazônia não é nossa

O governo Temer e a bancada ruralista do Congresso estão empenhados em transformar a maior floresta tropical do mundo em propriedade privada de poucos
Data 04/10/2017 às 08:26
Esporte

Programação esportiva da Rádio Globo 1310 AM, volta nesta terça,3

Equipe Show de Bola!
Data 03/01/2017 às 04:24